7.5

DIAGNOSE BOTÂNICA DE MACETE, FOLHA ENQUANTO FÁRMACO VEGETAL

Ana Malvas
ana.malvas@gmail.com
Rita Serrano
rserrano@ff.ul.pt
Olga Silva
odsilva@ff.ul.pt
iMed.UL, Facudade de Farmácia, Universidade de Lisboa

Terminalia macroptera Guill. & Perr. , folha (macete, folha) é uma planta medicinal da família Combretaceae, usada na África Ocidental no tratamento de doenças sexualmente transmissíveis e de diarreias de origem presumivelmente infeciosa. A nível externo, a planta é utilizada, essencialmente, no tratamento de feridas, como hemostática e cicatrizante, e no tratamento de doenças de pele.
Esta planta medicinal é também usada em associação com uma ou várias outras plantas medicinais, pertencentes a diferentes famílias botânicas. Esta atividade está correlacionada com a classe de compostos mais frequente no género Terminalia L., os polifenóis e triterpenóides. Para além destas classes de compostos, é também comum a presença de elevada quantidade de mucilagens e sais de cálcio (oxalato e carbonato) neste género botânico.
As principais utilizações medicinais de T. macroptera já foram validadas através de metodologia etnofarmacológica, estando neste momento em curso o estabelecimento de critérios de qualidade que permitam a utilização segura desta planta medicinal enquanto fármaco vegetal e consequentemente, enquanto matéria-prima para a produção de chás medicinais e outras preparações à base deste.
Nesta comunicação apresentam-se os resultados de um estudo efetuado com vista ao estabelecimento de elementos de diagnose botânica, macroscópicos e microscópicos passíveis de inclusão em protocolos monográficos de identificação e ensaio do fármaco macete, folha. Para o efeito será utilizada a microscopia ótica e a microscopia eletrónica de varrimento e amostras de material vegetal, colhidas na Guiné-Bissau ao abrigo do protocolo de cooperação com a Cooperativa Madrugada.

Palavras-chave: Identificação botânica, fármaco vegetal, microscopia ótica, microscopia eletrónica, Terminalia macroptera.